A BB Seguridade apresentou resultados positivos no 1T22, apresentando um conjunto de números muito forte. O lucro líquido foi de R$ 1,180 bilhão, um aumento de 20,7% na comparação anual e 2% acima do esperado por nós.

O lucro líquido normalizado (ex-IGPM efeitos temporais no resultado da Brasilprev) foi de R$ 1,127 bilhão, um aumento de 28,5% no comparação anual.

Saiba mais:
Conheça aqui os serviços exclusivos da Safra Corretora
> Acompanhe as análises do Safra em nosso canal no Telegram

O desempenho operacional foi bom, com melhora em todas as subsidiárias da BBSE (incluindo a BBSeg, que foi pressionada pelo aumento da sinistralidade no segmento Agro) e beneficiada pelas maiores taxas de juros, que continuam elevando as receitas financeiras.

Considerando o sólido desempenho da BB Seguridade, reiteramos nossa visão positiva para as ações. Esperamos um bom ímpeto de lucros para sustentar o desempenho das ações nos próximos trimestres.

Além disso, esperamos uma distribuição robusta de dividendos (rendimento de 8,2%) para 2022.

Finalmente, ainda vemos a BBSE sendo negociada com uma avaliação atraente (P/E 22e de 9,8x, vs. 13x de sua média histórica de 5 anos).

 

Novidades de BB Seguridade

 

Em reunião com executivos da BB Seguridade (BBSE3), tivemos uma mensagem foi positiva. A BB Seguridade já havia contemplado em seu guidance perdas maiores na área de seguro rural, e, na Brasilseg, a dinâmica de receita ainda é muito boa (na casa de dois dígitos). Já os resultados operacionais das demais divisões (Corretoras, Previdência e Capitalização) continuam bem.

De acordo com os números do Susep de janeiro, os sinistros do Rural devem impactar negativamente os resultados do 1T22. As perdas do seguro rural foram bastante elevadas em janeiro por conta da estiagem na região Sul, sendo provável que fevereiro também apresente altas indenizações na divisão rural.

Saiba mais:
Conheça aqui os serviços exclusivos da Safra Corretora
> Acompanhe as análises do Safra em nosso canal no Telegram

No entanto, é importante destacar que a BB Seguridade contrata resseguros para ~80% de seu risco, o que deve reduzir consideravelmente os impactos do aumento da sinistralidade.

Em relação às demais linhas, os segmentos de Seguro de Vida e Prestamista devem apresentar boa sinistralidade, pois a Companhia não observou aumento no número de ocorrências de óbitos em sua carteira (mesmo considerando a recente onda de Covid com a variante Omicron).

Também é importante destacar que o potencial aumento da sinistralidade para o segmento rural foi de certa forma incorporado ao guidance da BB Seguridade divulgado em fevereiro. A tendência observada no ano passado com forte desempenho de prêmios emitidos de seguros deve continuar.

O segmento rural ainda deve ser o segmento mais relevante para sustentar o crescimento dos prêmios emitidos (impulsionado pela força dos preços das commodities), seguido pelo segmento de Vida.

No segmento vida, o bom volume de vendas e principalmente a renovação a preços mais elevados (devido ao repasse do IGPM) devem continuar impulsionando o faturamento da Brasilseg em 2022.

Sobre possíveis impactos decorrentes da falta de insumos agrícolas devido à Guerra na Ucrânia , a empresa não espera impacto significativo em sua operação.

Por fim, o resultado da Brasilseg também pode ter um desempenho financeiro líquido positivo em função do aumento da taxa Selic.

Em suma, a reunião reduziu nossas preocupações de que um potencial resultado mais fraco no 1T22 poderia comprometer uma perspectiva muito positiva para 2022.

De fato, o aumento dos sinistros rurais pode não levar os resultados do 1T tão bons quanto esperávamos, mas as perspectivas para o ano parecem bastante bom com a solidez dos prêmios de Seguros e receitas da Divisão de Corretagem, melhoria dos resultados operacionais das unidades de negócios Brasilseg e Brasilcap e bons resultados financeiros líquidos.

Continuamos confiantes em nossa estimativa de lucro líquido de R$ 5,1 bilhões para a BB Seguridade em 2022. Vemos a avaliação do BB Seguridade em níveis atraentes, com o múltiplo P/E22e em 8,8x vs. média histórica de 5 anos. de 13,2x e dividend yield de 9,1% para 2022. Desta forma, reiteramos nossa recomendação de Compra para a ação com preço-alvo de R$31,0/ação.

BBSE3 no 4T21

A BB Seguridade (BBSE3) apresentou em fevereiro bons resultados no 4T21, com lucro líquido de R$ 1,226 bilhão, alta anual de 33,8%, trimestral de 25,7% e 6% acima de nossas estimativas, representando um ROAE de 65%.

O lucro líquido normalizado, excluindo os impactos do descasamento temporal do IGP-M e do aumento temporário da alíquota de CSLL, ficou um pouco abaixo, em R$ 1,178 bilhão, mas ainda muito bom.

Entre os destaques do trimestre, podemos citar o desempenho da receita líquida e a redução da sinistralidade advinda da divisão de seguros e o resultado financeiro líquido da Brasilprev, voltando para positivo após muito tempo ofuscando o resultado final.

A BB Seguridade também divulgou um guidance animador para 2022, em linha com nossas expectativas positivas para este ano (e um pouco acima para prêmios emitidos de seguros e provisões de Previdência).

Em suma, acreditamos que o resultado da BB Seguridade foi muito bom, conforme o esperado. O novo guidance sugere que o bom momento de ganhos deve continuar ao longo de 2022, o que reforça nossa preferência pelo nome no setor de seguros.

Além disso, ainda vemos a avaliação da ação muito atrativa. A preços atuais, está sendo negociada a 8,9x P/L 2022, vs. média histórica de 5 anos de 13,2x, e 8,5x para a Caixa Seguridade.

Vale a pena investir em BBSE3?

  1. Expansão do mercado brasileiro de seguros;
  2. Grandes perspectivas de crescimento da divisão de planos de previdência da BB Seguridade; 
  3. Amplo Canal de Distribuição, suportado pelo canal de varejo do Banco do Brasil;
  4. Forte geração de fluxo de caixa livre convertida em dividendos para BBSE3; 
  5. Modelo de negócios resiliente, perspectivas de crescimento do negócio de seguros.

Quais os riscos ao investir em BBSE3?

  1. A BB Corretora possui um contrato de distribuição com o Banco do Brasil, que expira em 2033. Não é claro se os termos do contrato permanecerão depois disso;
  2. Aumento da Concorrência;
  3. Desalinhamento de metas entre o Banco do Brasil e a BB Seguridade;
  4. Resultado financeiro pode ser afetado por cortes nas taxas de juros;
  5. Risco macroeconômico.

Sobre a BB Seguridade (BBSE3)

A BB Seguridade Participações S.A. (BB Seguridade) é uma empresa de participações (holding) controlada pelo Banco do Brasil S.A. (Banco do Brasil) e que atua em negócios de seguridade. Suas ações são negociadas na B3 pelo ticker BBSE3.

Suas participações societárias atualmente estão organizadas em dois segmentos: negócios de risco e acumulação (coligadas constituídas sob a forma de joint-ventures ou sociedades com parceiros privados e que operam produtos de seguros, previdência aberta, capitalização, resseguros e planos de assistência odontológica) e negócios de distribuição (subsidiária integral que comercializa seguros e outros serviços).

A BB Seguridade conta com a rede de distribuição do Banco do Brasil como o principal canal de comercialização de um portfólio completo de produtos. A empresa ocupa hoje posição de destaque no mercado em todos os segmentos em que está presente.

acoes-BBSeguridade-BBSE3.jpg

IMPORTANT GENERAL DISCLOSURES Este relatório tem caráter meramente informativo e não constitui oferta de compra ou de venda de títulos ou valores mobiliários ou de instrumentos financeiros de quaisquer espécies ou de participação em qualquer estratégia de negociação. As informações expressas neste documento são obtidas de fontes públicas disponíveis até a data da sua elaboração pela equipe de Análises Gráficas da Safra Corretora, e são consideradas seguras. A Safra Corretora ou qualquer de suas afiliadas não garante, expressa ou implicitamente, a completude, confiabilidade ou exatidão de tais informações, nem este relatório pretende ser uma base de dados e informações completa ou resumida sobre os títulos ou valores mobiliários, instrumentos financeiros, mercados ou produtos aqui referidos. A Safra Corretora não tem obrigação de atualizar, modificar ou alterar este relatório, tampouco de comunicar o leitor deste relatório, salvo quando deixar de cobrir qualquer das empresas analisadas neste relatório. As opiniões, estimativas, informações e projeções aqui expressas constituem a opinião do analista no momento em que emitiu o presente relatório e podem ser alteradas sem qualquer aviso. Preços e disponibilidade dos instrumentos financeiros são apenas indicativos e estão sujeitos a alterações, independentemente de qualquer aviso. Os instrumentos discutidos nesse relatório podem não ser adequados a todos os investidores. Este relatório não considera objetivos de investimento, situação financeira e patrimonial ou interesses particulares de qualquer investidor. Os investidores devem obter ou realizar análise independente, considerando sua situação financeira e seus objetivos de investimento, antes de tomar uma decisão de investimento. Investimentos em títulos e valores mobiliários envolvem riscos, razão pela qual não há garantia de rentabilidade ou lucratividade de qualquer espécie. Os resultados obtidos com investimento em instrumentos financeiros podem variar e seu preço ou valor, direta ou indiretamente, pode subir ou descer. O desempenho passado não é necessariamente indicativo de resultados futuros. A Safra Corretora ou qualquer empresa do Grupo Safra não pode ser responsabilizada por danos diretos, indiretos, consequentes, reivindicações, custos, perdas ou despesas decorrentes da decisão de investimento em títulos e valores mobiliários, esteja esta decisão lastreada ou não nas recomendações expressas neste relatório. Os riscos em investimentos dessa natureza podem implicar, conforme o caso, na perda integral do capital investido ou, ainda, na necessidade de aporte suplementar de recursos. Nenhuma parte deste documento poderá ser reproduzida, distribuída ou copiada, no todo ou em parte, para qualquer finalidade, sem o prévio consentimento por escrito da Safra Corretora. Informações adicionais relativas às companhias ora analisadas neste relatório poderão ser prestadas mediante solicitação. ANALYST O(s) analista(s) responsável(is) pela elaboração do presente relatório declara(m) que as opiniões aqui expressas refletem única e exclusivamente seu ponto de vista e opiniões pessoais, e foi produzido de forma independente e autônoma, inclusive em relação à Safra Corretora. A opinião do analista, por ser pessoal, pode diferir da opinião constante dos relatórios eventualmente emitidos por outros analistas, pela Safra Corretora e/ou por suas afiliadas e subsidiárias. A remuneração do analista de valores mobiliários é baseada na receita total da Safra Corretora, sendo parte desta proveniente das atividades relacionadas ao banco de investimento. Desta forma, como todos os colaboradores da Safra Corretora, suas subsidiárias e afiliadas, a remuneração dos analistas é impactada pela rentabilidade global e pode estar indiretamente relacionada a este relatório. No entanto, o(s) analista(s) responsável(is) por este relatório declara(m) que nenhuma parte de sua remuneração esteve, está ou estará direta ou indiretamente relacionada a qualquer recomendação ou opinião específica contida aqui ou vinculada à precificação de quaisquer dos ativos aqui discutidos. IMPORTANT INFOMATION ABOUT SAFRA A Safra Corretora, suas controladas, seus controladores ou sociedades sob controle comum declaram que: Têm interesses financeiros e/ou comerciais relevantes e/ou recebe remuneração por serviços prestados às empresas ou fundos: AES Tietê; Alupar Investimentos S.A; Azul; B2W Digital; B3; Banco BTG Pactual; Banco Pan; BR Distribuidora; BR Malls; Braskem; CBD; CCR; Cemig; Cesp; Cielo; Copasa; Copel; Cosan; CPFL Energia S.A; CSN; CTEEP; Cyrela; Cyrela Commercial Properties S.A.; Direcional; Duratex; Ecorodovias; Eletrobras; Embraer; Energias do Brasil; Energisa; Engie Brasil; Equatorial; Estácio; Even; Eztec; Fleury; Fras-le; Gerdau; Gerdau Metalúrgica; Gol; Helbor; Hypermarcas; Iguatemi; Itaú; Itaúsa; JSL; Kroton; Light; Linx; Localiza; Locamerica; Lojas Americanas; Lojas Renner; Mahle Metal Leve; Marcopolo; Mills; Movida; MRV; Petrobrás; Porto Seguro; Raia; Randon; Rumo; Sabesp; Santos Brasil; Ser Educacional; Sul America; TAESA; Tecnisa; Tegma; Telefônica; Tenda; Tim; Tupy; Ultrapar; Usiminas; Vale; Via Varejo; Weg. Companhia de Gás de Minas Gerais – GASMIG; Kazzas Incorporações e Construções S.A; Klabin S.A, Hemisfério Sul Investimentos S.A.; JS Real Estate Multigestão Fundo de Investimento Imobiliário; Quasar FIP-IE; Pátria Edifícios Corporativos Fundo de Investimento Imobiliário – FII; Perfin Apollo Energia Fundo De Investimento em Participações em Infraestrutura – FIP; Raízen Energia S.A.; Notre Dame Intermédica Participações S.A; Companhia de Locação das Américas S.A; Marfrig Global Foods S.A.; Marisa Lojas S.A.